Pular para o conteúdo principal

Postagens

Entro de havaianas num ano que caminha de botas

Começo o ano atrasada, e dividida. No Brasil, Natal e Ano Novo são sinônimo de férias, de descanso, de tempo se arrastando no calor úmido, de esperar o carnaval mesmo que não seja o nosso feriado preferido. Aqui, Natal e Ano Novo são uma pausa breve, é inverno, as árvores sem folhas, o vai e vem das frentes frias. Chego do Brasil de havaianas e entro em um ano que caminha de botas. Enquanto troco o calçado vou pensando nos objetivos de 2018, na pilha de livros, na quantidade de coisas que não sei, em janeiro que já se foi, no carnaval que já passou, nas aulas que enchem os meus dias.


Uso um tempo diferente para começar o ano, uso um tempo medido por uma viagem: a volta do Brasil. Voltar significa ter livros novos, ter as bolachas e a goiabada da mãe para comer, ter o feijão que a tia colheu para cozinhar. Significa integrar o meu mundo de origem com os mundos por que passei e onde vivo. Não sei quantos dias o meu ano terá nem quantos dos meus objetivos ficarão pelo caminho ou quantos …
Postagens recentes

Quem são os professores de português?

O Botequim PLE começa o ano com bons propósitos e o principal deles é retomar as atividades do blog.
E já começamos com boas notícias. Vamos participar da homenagem a um dos grandes difusores da cultura brasileira na Itália, o professor Nello Avella.  O evento acontecerá nos dias 23 e 24 de janeiro, no auditório da Embaixada do Brasil em Roma. A nossa participação vai comentar o perfil do professor de Língua Portuguesa na Europa, principalmente na Itália e na Espanha. Se você é professor e quer ajudar na identificação dos profissionais da nossa área pode responder ao questionário abaixo. Em breve, explicaremos quem foi o professor Avella e publicaremos os detalhes da homenagem.
Um  abraço e feliz 2018.

Carregando…

Voltando a Lisboa

Faz um tempo que eu não dou as caras por aqui, mas nem por isso fiquei parada. Muitas coisas bacanas aconteceram neste pouco de um mês: na I jornada de Formação organizada pela Aplepes, assisiti ao espetáculo de dança da Poliana Lima aqui em Madrid, li outros livros e conheci pessoas. Mas sobre isso falarei mais adiante. Hoje arrumo as malas e me mando pra Lisboa. A desculpa oficial é o SIPLE que acontecerá nos dias 30 e 31 de outubro na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Mas também vou aproveitar para rever a cidade que por 3 anos foi a minha casa, o lugar que me acolheu quando saí do Brasil. Brigamos, nos ignoramos e acabamos fazendo as pazes. Depois de quatro anos, hoje volto para revê-la com o coração cheio de saudade, para caminhar pelas suas ruas ensolaradas e encher os olhos com as suas paisagens cheias de luz.
Fecho o post com uma música do disco Cinema, de Rodrigo Leão. Lonely Carousel é uma parceira de Leão com Beth Gibbons e que descobri graças a um amigo portuguê…

II Semana Europeia de Línguas

De 25 a 29 de setembro acontece em Madri a II Semana Europeia de Línguas com atividade organizadas nos diferentes institutos de cultura. O evento é uma iniciativa da EUNIC (European Union National Institutes for Culture). O Instituto Camões programou atividades em conjunto com a Aliança Francesa. Os interessados podem participar de trocas de livros, mini-cursos de idiomas e degustação linguística e gastronômica. Portugal também participa da Feira Gastronômica que acontece na sexta-feira, 29 de setembro, das 17 às 20h no Goethe Institut. O programa completo está disponível aqui. As atividades são gratuitas e abertas a todos os públicos.

Pão de queijo

Um dos grandes amores dos brasileiros, e dos estrangeiros também, passa por aqui para dar um pouco de energia.

Elvira Vigna não é para descuidados

Deixei ele lá e vim atravessou o oceano e ficou parado na minha livraria mais ou menos uns seis meses. Quando li a notícia do falecimento de Elvira Vigna pensei que tinha chegado a hora de lê-lo. O início da leitura foi quase irritante, me senti perdida. Resisti e quando terminei o livro fiquei olhando para ele sem saber o que pensar. Recomecei. Foi aí que entendi o fantástico trabalho de construção do texto feito por Elvira Vigna, uma autora que pisca o olho continuamente para o seu leitor, e repete: vejamos se você descobre o que eu ando escondendo. A narradora de Elvira Vigna desconcerta e avisa logo no início do romance que a “história tem falhas, buracos. E pior: vou preenchê-los.” (p. 10). Ao longo do texto vamos encontrando muitas vezes e de diferentes maneiras as provas desta intenção inicial. Ora afirma que inventa enredos e acontecimentos tanto sobre o passado quanto sobre o futuro; ora manifesta sua insegurança sobre o que aconteceu realmente. Mais tarde diz que mente desde c…

Lojas com história

Lojas com história é um projeto super bacana da Câmara Municipal de Lisboa. O objetivo é valorizar estabelecimentos comerciais históricos, publicando fotos e, claro, contando um pouco da história das lojas. Para quem tem intenção de visitar Lisboa o site pode servir para criar um excelente roteiro turístico alternativo. Para quem não está na capital lusa é uma maneira matar ou de aumentar a saudade. Se você não conhece a cidade, os cafés e os restaurantes vão dar água na boca, uma vontade incontrolável de fazer as malas e sair correndo para Lisboa. Não perca os documentários disponíveis na página de Lojas com história. Além de ouvir o delicioso sotaque português,  você pode conferir os depoimentos dos comerciantes, verdadeiras declarações de amor aos próprios ofícios.
Curtam e compartilhem.
Documentário disponível na página Lojas com história